Porta do Brasil para o mundo e do mundo para o nosso país, é uma terra de muita história construída por seus diferentes visitantes e moradores.

Dia 25 de janeiro é o aniversário de São Paulo, data em que a maior cidade da América Latina completa 468 anos. E seus números são curiosos: São Paulo é a cidade mais visitada do Brasil, recebe 13 milhões de pessoas por ano, e é nela que se concentra o maior número de libaneses, italianos e japoneses que estão afastados de seus países de origem. É também a cidade que mais consome pizza no mundo — são um milhão por dia!

Por essas e outras grandiosidades, ela é um dos maiores ecossistemas de desenvolvimento de carreira e negócios do mundo, atraindo diariamente milhões de talentos que iniciam ou que estão em pleno voo de crescimento profissional.

Na história da Tailor, São Paulo sempre representou um dos nossos grandes celeiros de talentos no Brasil. É nesta cidade que muitas vezes encontramos profissionais para os nossos projetos de executive search e é nesta cidade que temos alguns de nossos grandes clientes. Ela é um centro tão estratégico, que em agosto de 2021 inauguramos com muita alegria o nosso segundo escritório!

É indiscutível a importância e relevância de São Paulo para a formação e desenvolvimento dos profissionais no Brasil. Em meus mais de 20 anos de experiência com gestão de capital humano, eu sempre notei que nas histórias dos diferentes profissionais com quem me relaciono, ter vivido ou passado por São Paulo representou um divisor de águas na vida de todos.

Por ser um grande hub de inovação e experiência, a cidade de São Paulo agrega e muito na carreira dos executivos. É aqui que se encontram grandes instituições de ensino e grandes eventos executivos do Brasil, é onde os grandes centros de insights consumer atuam, é nesta cidade que se testam novos produtos e serviços, é aqui onde surgem as novas tendências — e, principalmente, é aqui onde se tem um potencial imenso para se construir relevantes redes de contatos (networking).

O que considero o máximo é que estar em São Paulo é ter a oportunidade de conviver e aprender frequentemente com diferentes culturas do Brasil e do mundo. Quem atua aqui sabe que é muito comum atuar em um time de trabalho composto por mineiros, fluminenses, gaúchos, catarinenses, representantes de todo o Nordeste, norte-americanos, europeus etc. Sendo assim, estando em São Paulo, é impossível não ampliar o seu repertório profissional. Os executivos que estão ou passaram pela capital de São Paulo levam toda essa bagagem cultural para a sua vida, e isso faz a diferença.

Conversei com dois grandes executivos que, como muitos outros, tiveram São Paulo como um grande marco em suas vidas. Para Cristiano Brasil, Diretor Global de Gente, Gestão, Comunicação, TI e Inovação da Votorantim Cimentos, São Paulo foi onde ele começou a sua trajetória, foi onde ele conheceu a sua esposa, onde nasceu o seu filho e é onde ele vive momentos muito felizes. Ele disse que São Paulo está superconectada com as grandes recordações da sua trajetória profissional e tem uma importância fundamental na construção de rede de contatos /relações. Foi esta cidade que o acolheu quando ele chegou de Piracicaba, sua cidade natal situada no interior de SP, há muitos anos!

Para Breno Barros, Diretor de RH na Heineken Brasil, São Paulo é a capital do acolhimento. Ele se mudou para a capital paulista em 2019, em busca de oportunidades de crescimento profissional e diz que encontrou bem mais que isso. Com pessoas honestas, generosas e dispostas a lhe dar conselhos para o seu crescimento de carreira, após pouco mais de dois anos aqui ele já coleciona uma série de conquistas profissionais. São Paulo para ele é um oásis de oportunidades, por isso ele diz que não sabe o que o aguarda no futuro, mas sabe que o seu futuro será aqui.

São Paulo, parabéns pelo seu aniversário e obrigado por fazer parte da nossa história de sucesso!

*Gustavo Mançanares Leme | Sócio Diretor da Tailor | Headhunter & Estrategista de RH.
É conselheiro de administração & advisory de startups e mentor de carreiras. Tem grande experiência em processos de identificação de talentos, transformação cultural e turnaround de modelos de negócio. É autor do livro O acaso não existe.

Compartilhe
Deixe seu comentário