Frequentemente o Headhunter é confundido com o Recrutador, o Consultor de Carreiras ou o Jobhunter. A dúvida é muito comum pela similaridade e proximidade do mercado de atuação de todas estas profissões. Além disso, as consultorias fornecidas pelos Headhunters constituem uma área relativamente nova e pouco difundida de trabalho. Mas não confunda!

Em linhas gerais, o Headhunter é um consultor externo, contratado por uma empresa, para auxiliá-la no processo de definição, busca, seleção e contratação de um profissional específico. Ele atua baseando-se nas necessidades da empresa, nos objetivos corporativos, na cultura empresarial e na análise de skills e aderência do profissional à função em questão.

Diferentemente de um Recrutador - que tem como uma das principais ferramentas de busca de profissionais anúncio de vagas e captação de currículos - o Headhunter atua de forma ativa na busca do profissional ideal, utilizando-se de um profundo estudo e conhecimento de mercado, bem como aproveitando-se de sua ampla rede de networking.

O Headhunter é capaz de encontrar profissionais que não estão no radar de processos seletivos tradicionais e que não estão necessariamente em uma busca ativa por movimentação. Ao identificar o profissional ideal para uma posição e avaliar que será uma boa oportunidade para o candidato, o Headhunter atuará como um negociador entre as partes até que seja concluída a contratação.

Por ser exclusivamente contratado pelas empresas para "caçar a cabeça" ideal, o Headhunter não atua para um profissional que deseja fazer uma transição de carreira ou na busca de vagas para alguém disponível no mercado. Este trabalho fica a cargo de outros profissionais, como os Jobhunters, Coachs de Carreira ou Consultores de Transição de Carreira.

Esta é uma profissão que não se ensina ou se forma nas faculdades. Normalmente um Headhunter é um profissional que atuou em outras áreas profissionais anteriormente e, portanto, algumas competências são fundamentais para ele:

  • Apurada capacidade de análise de negócios e pessoas;
  • Ampla experiência em estratégias para pessoas e evolução empresarial;
  • Habilidades de negociação e criação de vínculos;
  • Liderança, proatividade, autoconfiança e inteligência emocional;
  • Facilidade na comunicação verbal e escrita;
  • Ampla rede de contatos (networking) e boa reputação.

Normalmente um Headhunter é contratado para conduzir posições de alta gestão – Diretores, Presidentes, Conselheiros. São processos com elevado grau de sigilo e/ou alto risco de impacto direto no negócio. Mas não se assuste se encontrar um Headhunter conduzindo processos em níveis mais juniores! Cada vez mais as empresas têm valorizado, levado a sério e investido no recrutamento de profissionais para todos os níveis hierárquicos.

Não deixe de estar no radar dos Headhunters, seja para contratar ou ser contratado!

Compartilhe
Deixe seu comentário